sábado, julho 8

World OutGames são cancelados no último minuto deixando muitos atletas LGBT a ver navios

Horas antes da cerimônia de abertura, o World OutGames – um evento esportivo queer internacional que se separou dos Gay Games em 2006 – foi cancelado.

Os OutGames deveriam trazer 10.000 atletas LGBTQ para Miami para centenas de eventos ao longo de 10 dias. O cancelamento pode ter custado a cidade de Miami Beach pelo menos US$ 200.000, conforme relatado pelo Miami New Times.

No Facebook, os diretores do World OutGames Board postaram:

É com profundo arrependimento que, devido aos encargos financeiros, os OutGames mundiais devem cancelar cerimônias de abertura e encerramento e programação esportiva com exceção de aquáticas, dança country e futebol. A Conferência dos Direitos Humanos e os programas culturais continuarão conforme planejado. Agradecemos a todos os que apoiaram o esforço e pedimos desculpas àqueles que serão afetados por esta difícil decisão.

Infelizmente, o evento teve apenas 2.000 atletas registrados no mês passado, cinco vezes menos que a última meta de 10.000 atletas. Uma falta de registros – apenas 500 – e de arrecadação comprometeram o Outgames ao cancelamento do evento de 2016, mas os organizadores disseram que o cancelamento não era uma opção naquele ano. Até agora. Neste último minuto. Depois de muitos atletas já terem aterrissado em Miami para o evento.

Outsports diz:

“É incrivelmente decepcionante que os organizadores tenham garantido ao público que não cancelariam o evento, então no último minuto, horas antes da cerimônia de abertura de fato cancelarem. Atletas estão agora presos a um tempo livre forçado e jamais terão seus custos de viagem revistos”.

“Isso apenas mostra uma má gestão que tem um impacto financeiro sério em muitas pessoas” diz Peter Clancy, um empresário da Bélgica que iria competir em atletismo. “Aviso de última hora também mostra uma completa falta de respeito pelos participantes e especialmente aqueles de nós que viajamos de outros continentes”.

Uma equipe do México conversou com Steve Rothaus sobre ficar preso em Miami com nada a fazer e muito poucos recursos. “Não podemos voltar agora”, disse um atleta. “Nós só temos que passar toda a semana aqui sem nada. Nossa viagem inteira foi baseada nisso”.

Outro disse aos Outsports: “Viajei o dia todo. Estou extremamente chateado e exigirão que as despesas de viagem sejam pagas”.

Um usuário do Facebook escreveu:

Como um triatleta local do sul da Flórida, eu tenho que “jogar meu chapéu no ringue” e eu expresso meu desgosto com OutGames Miami por cancelar no último minuto.

Eu notei mais ênfase nas últimas semanas nas festas e no entretenimento mais do que nos eventos esportivos, o que eu expressei em várias ocasiões. Ninguém nos contou nada sobre o local, hora, etc. para o Triatlo até recentemente.

Sinto muito por você que voou de todo o mundo para este evento.

Agora, a cidade de Miami está exigindo uma auditoria dos livros do OutGames.

“Um memorando do gerente da cidade de Miami Beach, Jimmy Morales, no final da quinta-feira, sinalizou uma situação de piora rápida”, afirma Rothaus. “Os funcionários do OutGames não pagaram um depósito de US $ 5.000 para as licenças de evento necessárias. De acordo com o memorando, OutGames deve uma quantidade substancial de dinheiro ao National Hotel, o hotel anfitrião do evento”.

 

Fonte: //unicornbooty.com/pt-pt/world-outgames/