terça-feira, agosto 1

Autor: admin

Encontro de futebol agita equipes do Norte e Nordeste do Brasil.

Encontro de futebol agita equipes do Norte e Nordeste do Brasil.

Futebol, Nacional
No dia 15 de Julho de 2017 será realizado às 21 horas na Arena do Baixinho, no Pará uma grande partida de futebol reunindo duas grandes equipes do eixo Norte/Nordeste do Brasil. Trata-se da Divas do Pará e Radji do Maranhão. As equipes já se enfrentaram no ano passado e este ano celebrarão novamente um encontro. Para o presidente do Comitê Desportivo LGBT do Brasil Érico dos Santos, o encontro é uma grande oportunidade de intercâmbio e mostra que o futebol entre gays e transexuais no Brasil está cada dia mais em evidência, e pode ser um excelente veículo de enfrentamento da LGBT Fobia e de promoção da inclusão de pessoas LGBT no esporte, trazendo benefícios na saúde e no bem estar dos praticantes. E este encontro serve para mostrar que o desporto para pessoas LGBT não está apenas
Alagoas realizará o I Campeonato de Esportes de Praia LGBT do Brasil

Alagoas realizará o I Campeonato de Esportes de Praia LGBT do Brasil

eventos, Nacional
Beach champion’s, esse é o nome que está sendo dado ao  I Campeonato de Esportes de Praia LGBT de Alagoas, também o primeiro realizado no pais. O evento será uma realização da coordenação nordeste, do CDG Brasil – Comitê Desportivo LGBT, em parceria com as entidades: Grupos Gay de Alagoas- GGAL, Grupo Dandara, Ahbentes, GGT, e do blog Diversidade. O Campeonato está sendo programado para acontecer nos dias 25, 26 e 27 de outubro, na  praia de Jatiúca, umas das praias mais badalada da capital maceioense. As modalidades esportivas estão sendo definidas em competições masculina e feminina de “vôleibol, basquete, futsal, natação, corrida, capoeira, surf, gaymado e triathlon, muita música eletrônica ao longo dos três dias de evento, ações solidária, de saúde e meio ambiente, além de
Mineirão é iluminado com as cores da bandeira LGBT

Mineirão é iluminado com as cores da bandeira LGBT

Futebol, Nacional
Em ação conjunta com a secretaria de estado de Direitos Humanos, estádio apoia campanha em respeito à diversidade de gênero Dia Internacional do Orgulho LGBT é celebrado em todo mundo nesta 4ª feira, 28 de junho Como forma de lembrar os desafios e lutas que marcam o Dia Internacional do Orgulho LGBT, celebrado em todo mundo nesta 4ª feira, 28 de junho, a fachada do Mineirão foi iluminada com as cores da bandeira LGBT. Principal palco do futebol em Minas Gerais, o Gigante da Pampulha apoiou a ação idealizada pela secretaria de estado de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania. Outros monumentos da cidade, como o auditório Juscelino Kubitschek, na Cidade Administrativa, e o Espaço do Conhecimento UFMG, na Praça da Liberdade, também foram iluminados para chamar a atenção p
Jogos da Diversidade de São Paulo 2017

Jogos da Diversidade de São Paulo 2017

eventos, Nacional
 por: Wagner Xavier de Camargo  No dia último dia 17 de junho, pela primeira vez, a cidade de São Paulo pode ver um dia todo de eventos esportivos direcionados ao público LGBT+ (lésbicas, gays, bissexuais, pessoas transgêneros e outros). Os designados “Jogos da Diversidade de São Paulo” reuniram mais de 350 praticantes de esportes em torno de algumas modalidades como natação, futsal, voleibol e “gaymada”, um jogo de queimada misturado a música e dança. A realização foi do CDG Brasil ou Comitê Desportivo LGBT, que contou com apoio da organização central da Parada do Orgulho LGBT para locar algumas instalações do Parque Ibirapuera e realizar o evento. Não foi a primeira vez que houve a tentativa de organização desses Jogos. O próprio CDG Brasil, que foi criado em 2008, tem se
Junho é o mês dos Jogos da Diversidade de São Paulo 2017

Junho é o mês dos Jogos da Diversidade de São Paulo 2017

eventos, Nacional
A primeira edição dos Jogos da Diversidade de São Paulo acontecerá no dia 17/06, véspera da nossa Parada do Orgulho LGBT. O evento foi criado para celebrar a diversidade através de competições esportivas saudáveis entre os membros da comunidade LGBT, e é organizado pela APOGLBT e CDG Brasil – Comitê Desportivo LGBT. O 1º Jogos da Diversidade LGBT nasceu inspirado nos Gay Games, as “olimpíadas LGBT mundiais” que ocorre desde 1982 em diferentes países, nos moldes dos Jogos Olímpicos e reunindo milhares de atletas e pessoas LGBT ao redor do mundo. Outros eventos também são realizados nos mesmos moldes tanto de abrangência internacional quanto nacional, e no Brasil, embora haja pouca tradição na inclusão desta população em ações esportivas, o Comitê Desportivo LGBT do Brasil em parceria com
World OutGames são cancelados no último minuto deixando muitos atletas LGBT a ver navios

World OutGames são cancelados no último minuto deixando muitos atletas LGBT a ver navios

Internacional
Horas antes da cerimônia de abertura, o World OutGames – um evento esportivo queer internacional que se separou dos Gay Games em 2006 – foi cancelado. Os OutGames deveriam trazer 10.000 atletas LGBTQ para Miami para centenas de eventos ao longo de 10 dias. O cancelamento pode ter custado a cidade de Miami Beach pelo menos US$ 200.000, conforme relatado pelo Miami New Times. No Facebook, os diretores do World OutGames Board postaram: É com profundo arrependimento que, devido aos encargos financeiros, os OutGames mundiais devem cancelar cerimônias de abertura e encerramento e programação esportiva com exceção de aquáticas, dança country e futebol. A Conferência dos Direitos Humanos e os programas culturais continuarão conforme planejado. Agradecemos a todos os que apoiaram o esforço
Torcida do Paysandu bane cantos homofóbicos e leva bandeira LGBT ao estádio

Torcida do Paysandu bane cantos homofóbicos e leva bandeira LGBT ao estádio

Futebol, Nacional
A torcida Banda Alma Celeste, do Paysandu, decidiu banir das arquibancadas um canto que já era tradicional e chamava o mascote Leão, do rival Remo de “gay”. O encontro entre as duas equipes tradicionais do futebol paraense é um dos maiores clássicos do futebol brasileiro. “Erramos durante vários anos, propagando cantos homofóbicos disfarçados de rivalidade”, admitiu a torcida, em seu pedido de desculpas. “Em decisão tomada em uma das nossas reuniões mensais, viemos comunicar que músicas e manifestações de cunho racial/homofóbico estão extintas do nosso repertório, entre elas a famosa música que chama o mascote do rival de gay.” O Governo do Pará, que patrocinou o Campeonato Paraense, propôs que na final do torneio, há alguns dias, os jogadores entrassem em campo com camiset
“Gaymada” mistura esporte e ativismo LGBT

“Gaymada” mistura esporte e ativismo LGBT

eventos, Nacional
Brincadeira típica da infância ganha outros significados para jovens gays, lésbicas e bissexuais no Larga da Batata, em Pinheiros Gaymada: Mistura de esporte e ativismo (Foto: Reprodução Facebook/Divulgação) Durante meses, a foto de Igor Luís, de 22 anos, esteve na opção “tenho interesse” dos eventos criados no Facebook pelo Gaymada São Paulo. Foi somente em janeiro, contudo, que finalmente vestiu seu maiô, saiu de Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo, e seguiu até o Largo da Batata, em Pinheiros, na zona oeste da cidade. Acompanhado de um amigo, ele se surpreendeu positivamente com o que encontrou: jovens gays, lésbicas e bissexuais conversando e praticando uma brincadeira típica da infância, a queimada. “Foi uma das vezes em que mais me senti à vontade em um lugar”, co
Pela inclusão no esporte, Manchester United faz parceria com ONG gay

Pela inclusão no esporte, Manchester United faz parceria com ONG gay

Internacional
Intenção do acordo com a ONG Stonewall é desenvolver ações de inclusão do público LGBT no esporte Camisa especial TeamPride celebra parceria de clube inglês com ONG LGBT Foto: Manchester United/Site Oficial Para ajudar a desenvolver ações de inclusão no esporte - e o potencial que ele tem de influenciar a sociedade - o Manchester United anunciou que fechou uma parceria com a ONG Stonewall. Bastante conhecida no Reino Unido, a ONG defende direitos de gays, lésbicas e transgêneros. A parceria foi denominada TeamPride (Time do Orgulho) e envolve até mesmo o empréstimo do histórico estádio do Manchester, Old Trafford, para a realização de uma conferência da Stonewall, a Rainbow Laces (Laços do Arco-Íris), onde o público pode assistir a workshops e palestras sobre inclusão e discri
Jogadora transexual brasileira pode virar caso de Justiça na Itália

Jogadora transexual brasileira pode virar caso de Justiça na Itália

Internacional
Tiffany Abreu foi a primeira trans brasileira a receber autorização da Federação Internacional de Vôlei para jogar com as mulheres Tiffany Abreu, jogadora do Golem Software Palmi A presença de uma jogadora brasileira transexual na segunda divisão do vôlei feminino na Itália tem dado o que falar e pode virar caso de Justiça. Batizada como Rodrigo, Tiffany Abreu tem 32 anos, 1,94m de altura e atua como oposta. De acordo com o jornal "Corriere della Sera", a atleta fez cirurgia para a mudança de sexo em 2014. No entanto, continuou atuando por clubes masculinos até o início de 2017, quando se tornou a primeira jogadora transexual brasileira a receber autorização da Federação Internacional de Vôlei (Fivb) para se juntar às mulheres. No último domingo (19), fez sua estreia